VOCÊ ESTÁ AQUI:
  • Instituto de Previdência de Rondônia discute modernização
Instituto de Previdência de Rondônia discute modernização
  • Fonte: Assessoria - Governo do Estado de Rondônia
  • Publicada em 02/12/2017 às 11:50
A  Modernização do Iperon foi o tema da 3ª Audiência Pública promovida pelo Instituto de Previdência de Rondônia

A  Modernização do Iperon foi o tema da 3ª Audiência Pública promovida pelo Instituto de Previdência de Rondônia, realizada no dia 29, no auditório do Tribunal de Contas em Porto Velho. “Almejamos o que há de melhor para o nosso RPPS no que concerne a gestão e a uma governança corporativa, visando medidas de efetiva segurança  junto aos   fundos do Iperon”, o destaque é da presidente do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado, Maria Rejane Sampaio Vieira, na abertura da audiência, que reuniu membros dos conselhos do Iperon, líderes sindicais e servidores.

A audiência contou com 80 participantes, número pequeno diante do quantitativo de servidores, que está em torno de 50 mil, mas que não invalida a iniciativa do Instituto, pelo contrário, mostra que é necessário insistir em atrair o servidor cada dia mais, a fim de despertá-lo a buscar informações previdenciárias o quanto antes, assinalou o subchefe da Casa Civil, Waldermar Albuquerque, que representou o governador Confúcio Moura.  Ele salientou ainda que é muito boa a proposta do Iperon em mobilizar os servidores para conscientização e discussão da previdência, o que precisa ser valorizado pelos segurados.

A apresentação da Modernização do Iperon –  onde estamos e onde queremos chegar, foi feita pelo membro do Conselho de Administração Adriel Pedroso dos Reis, que mostrou  um panorama do Instituto, baseado no último estudo atuarial, abordando também o Programa de Certificação Institucional e Modernização da Gestão dos Regimes Próprios de Previdência Social da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios – o Pró-Gestão, modelo seguido pelo Iperon.  O conselheiro comparou o Instituto a uma sociedade anônima, onde todos os sócios precisam acompanhar de perto o desenvolvimento da empresa, seu patrimônio e investimentos. “Na previdência, nós, os segurados somos  os acionistas e é necessário que  estejamos atentos às decisões do Instituto”.

Além da divulgação pelo portal do governo, canal comum aos órgãos oficiais, o Ipero, desta vez, também utilizou as mídias sociais. Alguns conselheiros gravaram um vídeo com chamamento para a audiência, que foi compartilhado e acessado por um grande número de internautas e usuários de whats app. “Nos próximos eventos vamos viabilizar  esta comunicação direta, além da correspondência oficial e cremos que  a medida que  isto for se tornando um hábito, teremos um público mais efetivo nos eventos que visam discutir  a previdência no nosso Estado”,  destacou a presidente do Iperon,  Rejane Sampaio.

A 3ª Audiência contou com a participação do magistrado Francisco Borges Ferreira Neto, mediador da mesa e membro do Conselho  de Administração; os representantes de servidores estaduais  Raimundo Façanha,  Almir Santana, Mauro Bianchin, Emílio Albuquerque e Rosimar  Francelino Maciel, todos do Conselho de Administração. Raiclin Lima da Silva, membro do Conselho Superior, onde  representa todos os servidores. E o coronel PM Enedy Dias de Araújo e Chagas Raimundo Teixeira, ambos conselheiros fiscais. Também participaram servidores do Iperon, da Junta Comercial, da Secretaria de Finanças, da Polícia Militar, da Secretaria de  Planejamento, Orçamento e Gestão, do Tribunal de Contas, Secretaria de Segurança, Defesa e Cidadania, da   Casa Civil, do Ministério Público, do Tribunal de Justiça,  da Procuradoria Geral do Estado,  do Gabinete do Governador, da Superintendência Estadual de Comunicação Social, da Assembléia Legislativa, dos Institutos Municipais de Previdência de Jaru, Guajará-Mirim, Theobroma  e São Miguel do Guaporé, além  servidores aposentados e dos sindicatos do trabalhadores em Educação, servidores da Justiça,  servidores do Iperon,  servidores da Assembléia Legislativa, servidores do DER e dos Delegados de Polícia.

  • Atualizada em 02/12/2017 às 11:50:25