Connect with us

Hi, what are you looking for?

Capital

Biblioteca anuncia parceria para cursos

Cursos com certificação pela Microsoft e hoje tem Live às 19 horas sobre esse assunto.

Com o objetivo de promover o aprendizado e beneficiar a população, a Prefeitura de Porto Velho, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) firmou parceria entre a Biblioteca Viveiro das Letras e a Recode (Reprogramar Código de Vida), organização social com sede no Rio de Janeiro que oferece cursos para inclusão social por meio de metodologias e empreendedorismo digital.

Com o impacto do uso de novas tecnologias nos dias atuais, a Recode é uma instituição que facilita e estimula o uso ético e consciente dos meios digitais, tendo como seu público as escolas e bibliotecas públicas. Atualmente, está presente em 212 bibliotecas no Brasil, já somado agora com a Viveiro das Letras. Também está presente em sete países com 689 centros de empoderamento digital e já alcançou mais de 1,7 milhão de pessoas.

Os cursos da plataforma serão ofertados no site da Biblioteca Viveiro das Letras. Ao acessar o site vá para a sessão cursos gratuitos. Os cursos são: Gestão de Projetos e Aplicativos de Impacto, Excel na Real, Hackeando seu Futuro, Inteligência Artificial, Internet das Coisas, Internet Segura, Introdução ao Mundo Digital, Mediação de Leitura, Power Point, Tecnologias Exponenciais, Tecnologias para o futuro e Word na Prática. Para acessar o Site Viveiro das Letras e fazer a inscrição para um dos cursos o endereço é: https://bibliotecaviveirodasletras.page.link/br

LIVE

Para esclarecer mais sobre estes cursos, o coordenador de Operações da Recode, Wanderson Skrock, será o próximo palestrante do Auditório Virtual Viveiro das Letras desta segunda-feira (20), às 19hs. Ele irá explicar o que é a plataforma e como funcionarão os cursos que terão certificados gratuitos.

Segundo ele, “o diferencial é que a Recode tem o foco de realizar o desenvolvimento de Jovens que estão em vulnerabilidade social através da tecnologia, usando uma formação com metodologia que desenvolve habilidades sócio-emocionais dos atendidos. Além disso tudo, nós certificamos os atendidos com a chancela da Microsoft de forma totalmente gratuita”. Já os cursos em mediação de leitura, tem chancela da Cátedra Unesco de Leitura.

Para a bibliotecária da Viveiro das Letras, Aline Leal, “A importância dessa parceria contribui para o cumprimento de algumas missões da biblioteca, previstas no manifesto da IFLA/Unesco de 1994. Uma dessas missões, afirma que a biblioteca pública pode protagonizar uma relação entre seus usuários e a tecnologia”.

Para assistir a palestra ao vivo pelo YouTube, no canal Auditório Virtual Viveiro das Letras, às 19hs, dia 20 de julho, acesse aqui.

Comdecom

Faça um comentário

Você pode gostar

Brasil

Em 09 de julho de 2020 o senador Randolfe fez uma live com seus heróis médicos, que salvaram muitas vidas no Amapá usando um...

Brasil

    Na minha contínua necessidade de “ler o mundo”, um dos caminhos é a leitura de jornais. Essa “troca de ideias” com pessoas...

Contraponto

[Tendo em vista (i) o impacto dos acontecimentos recentes na França e (ii) a profundidade da análise feita por Theodore Dalrymple, peço licença a...

Mundo

Atualmente, é comum que navegadores de internet como o Google Chrome ou o Safari já venham de fábrica instalados diretamente nos sistemas operacionais. Porém,...