Brasil

(Caso Marielle) Coaf aponta que Lessa recebeu depósito de R$ 100 mil em 2018

O policial reformado Ronnie Lessa, um dos suspeitos presos no caso Marielle, teria recebido um depósito de R$ 100 mil, em dinheiro. Essa é a conclusão de um relatório do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) o depósito teria sido feito na boca do caixa, no dia 9 de outubro de 2018, sete meses após o crime. O Ministério Público citou esse relatório em um pedido de bloqueio dos bens de Lessa e do ex-PM Élcio Queiroz, que também foi preso, esse bloqueio teria como objetivo garantir a indenização por danos morais e materiais às famílias da vereadora e do motorista.

Justiça determina que acusados de matar Marielle e Anderson sigam presos, nesta sexta-feira (15), os dois suspeitos devem ser levados para depor sobre o caso.
Após o depoimento, Lessa e Queiroz devem ser levados para Bangu 1, onde aguardarão transferência para um presídio federal, como determinado pela Justiça.
-Fonte: Destak Rio de Janeiro
Comentários

Etiquetas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios