Destaques Rondônia

Chega a 30 número de mortes de indígenas por Covid-19 em Rondônia

Dezesseis povos indígenas de Rondônia já foram atingidos pelo avanço do novo coronavírus, diz Coiab. — Foto: Reprodução/Rede Amazônica

Dados apontados pela Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (COIAB) apontam que o número de infecção pela COVID -19 entre os indígenas em Rondônia está aumentando. De acordo com o levantamento feito até o dia 15 de outubro, o estado já possui 1.506 indígenas com a doença.

A divulgação foi feita na noite desta sexta – feira (16).

Segundo COIAB, 30 mortes registradas de indígenas em 11 povos na região. Outros 55 indígenas estão sob suspeita de coronavírus. Veja a lista de povos atingidos pela doença:

  1. Aikanã;
  2. Arara Karo;
  3. Cinta Larga;
  4. Kanoê;
  5. Karitiana;
  6. Karipuna;
  7. Kassupa;
  8. Mura;
  9. Oro War;
  10. Paiter Suruí;
  11. Parintintin;
  12. Piripkura;
  13. Puruorá;
  14. Sakirabiat;
  15. Tupari; e
  16. Wajuru.

A COIAB ainda revela que o estado com mais índice da Covid-19 entre os indígenas é o Amazonas com 35 povos atingidos, seguido do Pará com 25 incidências e Mato Grosso com 18 registros. Rondônia segue na quarta posição entre os estados da Amazônia. O levantamento também aponta que já foram registrados 693 casos suspeitos, 26.731 casos confirmados e 684 mortes registradas em 132 povos indígenas.

Os dados obtidos são oriundos de boletins informativos e notas de falecimento emitidas pela Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) do Ministério da Saúde, além de relatos de lideranças indígenas, profissionais da saúde indígena e organizações que fazem parte da rede da entidade.

*Informações iniciais do G1/RO