Connect with us

Hi, what are you looking for?

Esporte

COB orienta atletas sobre viagens em meio a surto de coronavírus

O Comitê Olímpico Brasileiro (COB) orientou as confederações filiadas, atletas e comissões técnicas a evitar viagens a países onde há maior risco de transmissão pelo novo coronavírus (Covid-19). Em nota oficial emitida pelo departamento médico da entidade, China e Coreia do Sul são considerados destinos “contraindicados”, enquanto idas a Irã, Itália e Japão “devem ser evitadas por idosos e pessoas com doenças crônicas”.

O documento pondera que outras viagens ao exterior “podem acontecer adotando medidas de proteção contra a infecção” e ressalta que se avalie a “importância da competição frente ao calendário olímpico”. O COB recomenda também que os planos de voo sejam conferidos, pois “muitos deles fazem conexões em países de maior risco”.

No site oficial, o COB informou, segundo o Comitê Olímpico Internacional (COI), que a preparação para a Olimpíada de Tóquio, no Japão, continua como “planejada”. A entidade acredita, ainda, que a competição será realizada na data prevista, entre 24 de julho e 9 de agosto.

A disseminação do novo coronavírus pelo mundo tem levado ao adiamento ou cancelamento de eventos esportivos ao redor do mundo. A Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF, sigla em inglês), por exemplo, adiou para junho a realização do Mundial por equipes da modalidade, previsto para março na Coreia do Sul – o local da competição, por enquanto, está mantido. O Brasil participaria com as seleções masculina e feminina.

Competições paralímpicas também têm sido remarcadas ou não acontecerão mais neste ano. A etapa de Lignano Sabbiadoro (Itália) da World Series, circuito mundial de natação, que deveria ter começado nesta sexta-feira (28) foi cancelada por causa do avanço do Covid-19 no país europeu. A delegação brasileira, que reunia 33 pessoas, teve de retornar às pressas, pois soube do cancelamento somente ao chegar na sede do evento.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) elevou nesta sexta (28) o risco em nível global de disseminação do novo coronavírus para “muito alto”. A China foi o epicentro da doença, tendo registrado quase 79 mil casos e 2.791 mortes. No resto do mundo, segundo a OMS, são mais de 4,3 mil incidências da epidemia – uma delas no Brasil, em São Paulo – e 67 mortes.

 

Por Lincoln Chaves – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

Faça um comentário

Você pode gostar

Capital

Fundado oficialmente apenas em 1914, o bairro Triângulo é o mais antigo de Porto Velho, abrigava os trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré,...

Capital

Realizado nesta quarta – feira (07), um leilão na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), na qual foram leiloados 22 aeroportos em 12...

Capital

Profissionais de saúde que estão em atividade nas unidades médico-hospitalares públicas e privadas que atendem pacientes diagnosticados com a Covid-19 continuam sendo imunizados pela...

Brasil

Falta de matéria-prima importada ameaça fabricação de imunizantes contra a covid no país. IFA que chegaria esta semana para o Butantan só desembarca na...