politica

Confúcio defende suspensão dos reajustes nos preços dos remédios

Osenador Confúcio Moura (MDB-RO) destacou nesta quarta-feira (10), em pronunciamento, a importância e a necessidade da suspensão, por 60 dias, do ajuste anual dos preços dos medicamentos e, por 120 dias, das mensalidades de planos e seguros de saúde. As medidas estão previstas no Projeto de Lei (PL) 1.542/2020, aprovado pelo Senado e encaminhado à Câmara dos Deputados.

O parlamentar foi o relator da proposta, de autoria do senador Eduardo Braga (MDB-AM). Apesar do seu parecer favorável, Confúcio Moura diz ser contrário à intervenção do Estado no livre funcionamento do mercado.

Para o senador, o fato de o país estar enfrentando uma situação tão difícil, com a pandemia de covid-19, justifica o congelamento provisório. Ele espera que, mais tarde, os órgãos reguladores possam fazer os reajustes necessários.

— É apenas uma suspensão temporária, cujo objetivo é atender às pessoas neste período crítico, ascendente no país ainda, dos níveis do coronavírus e suas nefastas consequências — afirmou.

Fonte: Agência Senado