Capital Rondônia

Cremero se posiciona acerca do lixo hospitalar nas unidades de saúde do estado

Reprodução Redes Sociais

Na noite de terça-feira (24), o Conselho Regional de Medicina do Estado de Rondônia (Cremero), publicou uma nota sobre a denúncia que foi divulgada em diversos veículos de comunicação e redes sociais sobre o encerramento do contrato da empresa que cuidava do lixo hospitalar nas unidades estaduais de saúde.

Segue a nota:

Vimos por meio desta, em razão das notícias de suspensão dos serviços de coleta de lixo nos hospitais públicos e denúncias na mídia, informar que o Conselho Regional de Medicina do Estado de Rondônia (Cremero) através do Departamento de Fiscalização visitará as unidades de saúde para averiguar as reais condições de acondicionamento do lixo hospitalar.

O risco de transmissão de doenças e contaminação, tanto de pacientes quanto de profissionais da saúde expostos a essa situação, é altíssimo e de grande preocupação para este Conselho.

Entendemos que se faz necessário e urgente, esclarecimentos e orientações sobre as medidas tomada pelos gestores para garantir que sejam seguidas fielmente as normas específicas de acondicionamento e descarte do material hospitalar.

Caso encontrado irregularidades os ambientes fiscalizados estarão sujeitos a interdição ética.