Capital Destaques

Direção do Prontocordis, em nota, diz não ter medo de assinar contrato com o Governo, porém busca se resguardar

Após o discurso do secretário Fernando Máximo, em uma coletiva de imprensa, na manhã desta segunda – feira (04), informando que a direção do Hospital Prontocordis estaria se recusando a assinar o contrato emergencial com o Governo do Estado de Rondônia, a direção do hospital divulgou uma nota dizendo que não tem medo de assinar o contrato de locação com o Estado, mas está buscando se resguardar e apresentou apontamentos ao documento.

Veja:

Em relação a matéria vincula na imprensa em que o Hospital Prontocordis está temeroso no aluguel de parte deste prédio para o Estado/RO, informamos o seguinte:

– Este Hospital não tem medo de assinar o contrato com o Estado/RO, porém não concordou com algumas cláusulas, apenas se resguardou juridicamente, uma vez que o contrato faz lei entre as partes;

– O Hospital realizou alguns apontamentos que já foram apresentados ao Estado/RO e mantemos a negociação de forma mais transparente possível, pois uma vez o contrato assinado cumpriremos na íntegra.

Vale ressaltar, ainda, que o hospital Prontocordis presta serviço há 40 anos na cidade de Porto Velho/RO e zela pela qualidade.