O Rondoniense
Brasil

Em decreto, Bolsonaro determina abertura de igrejas como “atividade essencial” durante confinamento

Edir Macedo e a unção em Bolsonaro - Foto: Reprodução

Além das “atividades religiosas de qualquer natureza”, as casas lotéricas – citadas em discursos nesta quarta-feira por Bolsonaro – também poderão abrir as portas

Em decreto publicado na edição desta quinta-feira (26) do Diário Oficial da União, Jair Bolsonaro inclui as igrejas na lista de “serviços públicos e as atividades essenciais” que podem abrir as portas durante o isolamento por causa do Coronavírus.

O decreto, de número 10.292, altera o anterior, do dia 20 de março, para definir quais são os serviços públicos e atividades que podem funcionar durante o confinamento implantado para achatar a curva de crescimento da Covid-19.

Além das “atividades religiosas de qualquer natureza”, as casas lotéricas – citadas em discursos nesta quarta-feira por Bolsonaro – também poderão abrir as portas.

Leia o decreto na íntegra

Below