Justiça politica Rondônia

EM VÍDEO: Governador Marcos Rocha revela que não há o que fazer contra a Energisa

Above

“Não é obrigação do presidente Bolsonaro, não é obrigação do governo do Estado. Ela ganhou de forma legal!”.

Circula nas redes sociais um vídeo amador gravado durante entrevista do governador Coronel Marcos Rocha, do PSL, a um emissora de rádio do interior de Rondônia.

Questionado sobre responsabilidades acerca dos descalabros promovidos pela Energisa no Estado, Rocha alegou que os governos dele e de Jair Bolsonaro não podem fazer nada a respeito.

Porém, adiante, relatou o salto exponencial na sua conta de energia que, de acordo com ele, saiu dos cerca de R$ 300 para R$ 1,6 mil por mês, de repente.

“A Energisa ganhou uma concessão antes mesmo de eu assumir o governo. Antes de o presidente Bolsonaro assumir o governo, a Energisa ganhou uma licitação, é federal, mas não é mais obrigação do governo federal, não é obrigação do presidente Bolsonaro, não é obrigação do governo do Estado. Ela ganhou de forma legal!”.

Em seguida, asseverou: “[A Energisa] Passou por todo o processo. Agora, eu quero aproveitar pra dizer aqui a todos, e eu vou dizer aqui na rede de vocês: a minha conta de luz, e eu tenho um filho que ele é alérgico, e eu tenho que deixar um ar-condicionado daqueles de gaveta, ligado cem por cento lá em casa. Minha conta de luz veio R$ 1,6 mil. A minha conta de luz pulou de R$ 300 e poucos, depois foi subindo, de repente, hoje é R$ 1,6 mil”, revelou.

E sacramentou:
“Agora eu pergunto: como uma pessoa que ganha um salário mínimo, tá, e eu sou coronel, mas tem pessoas que ganham salário mínimo, como uma pessoa que ganha um salário mínimo vai pagar uma conta de luz de R$ 300,00? Isso é revoltante!”, concluiu.

Clique abaixo e assista o vídeo.

  • FONTE

https://www.folhadosulonline.com.br/index.php

Below