Connect with us

Hi, what are you looking for?

Capital

Erro foi de vacinadora, diz secretária sobre troca de vacinas aplicadas em profissionais da saúde

Rondoniagora – A secretária municipal de saúde, Eliana Pasini, confirmou na manhã desta quinta-feira (25) que houve um erro na vacinação dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente contra a Covid-19 no Hospital Infantil Cosme e Damião em Porto Velho.

Os profissionais receberam a primeira dose da vacina CoronaVac em janeiro deste ano, deveriam receber a segunda dose do mesmo imunizante, mas receberam a vacina da Oxford. O fato ocorreu na última segunda-feira (22).

De acordo com a secretária, o município entregou dois tipos de vacina para o hospital, para públicos diferentes, sendo primeira e segunda dose.
Ainda de acordo com Eliana Pasini, a vacinadora do hospital não observou e não leu e fez as vacinas achando que todas eram CoronaVac. “Inclusive foi entregue a nota fiscal explicativa. O estado sempre colabora, nos hospitais maiores tem vacinadoras capacitadas que ajudam”, disse a secretária.

Em nota divulgada na última quarta-feira (24), a Sesau informou que está apurando junto aos órgãos responsáveis da denúncia de possível aplicação de tipos de vacinas diferentes em profissionais de saúde que atuam na linha de frente contra a Covid-19 no Hospital Infantil Cosme e Damião.

A Sesau disse ainda, que a vacinação é de responsabilidade das prefeituras e que neste caso, a prefeitura de Porto Velho pediu apoio ao Hospital para aplicar as vacinas nos servidores da unidade.

Os profissionais vacinados com imunizantes diferentes estão sendo acompanhados e recebendo toda a assistência devida, segundo a Sesau.

Rondoniagora

Faça um comentário

Você pode gostar

Capital

Fundado oficialmente apenas em 1914, o bairro Triângulo é o mais antigo de Porto Velho, abrigava os trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré,...

Capital

Realizado nesta quarta – feira (07), um leilão na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), na qual foram leiloados 22 aeroportos em 12...

Capital

Profissionais de saúde que estão em atividade nas unidades médico-hospitalares públicas e privadas que atendem pacientes diagnosticados com a Covid-19 continuam sendo imunizados pela...

Brasil

Falta de matéria-prima importada ameaça fabricação de imunizantes contra a covid no país. IFA que chegaria esta semana para o Butantan só desembarca na...