Interior

Escolas municipais já contam com diário eletrônico para o início do ano letivo

O Rondoniense Escolas municipais já contam com diário eletrônico para o início do ano letivo
O Rondoniense Escolas municipais já contam com diário eletrônico para o início do ano letivo
Above

A Secretaria de Educação de Vilhena realizou formação em reuniões instrutivas para os profissionais da rede no auditório da Prefeitura de Vilhena, ontem, dia 30. Participaram das reuniões cerca de 160 servidores, entre eles gestores e secretários das escolas municipais.

 

Ao longo da manhã  equipe das escolas estiveram reunidas recebendo instruções sobre o Programa de Apoio Financeiro para as Escolas Municipais de Vilhena (PAFEMV), aprovado no ano passado. No período da tarde, o momento foi de treinamento para uso do Diário Eletrônico já disponível às escolas municipais.

 

“O Diário Eletrônico é um sistema que passou por reformulações recentes e está disponível para as escolas e equipe de técnicos da Semed. O programa conta com todos os dados sincronizados, desde nível de alfabetização, relatórios e notas”, revelou o técnico Jackson Alnoch, responsável pelas alterações.

 

“Há mais de 10 anos na rede, nunca vi o diário ser entregue no início do ano letivo. Houve um ano que chegamos a receber o diário em outubro”, lembrou a professora Rosania Lucas, ao comemorar o cuidado e atenção da secretaria de Educação.

 

A coordenadora do departamento pedagógico, Vivian Repessold, deu ênfase que a ferramenta de trabalho foi desenvolvida por servidor efetivo, sem custos ao município e lembrou que os ajustes para que o sistema já estivesse disponível neste início de ano começaram no ano passado e de forma compartilhada, ouvindo os diretores e supervisores.

 

“Temos que agradecer ao empenho e dedicação de toda nossa equipe. 2019 é um ano que já inicia diferente”, comemorou a professora Vivian.

 

A professora Silvana Peres que já esteve à frente da supervisão escolar e hoje atua como diretora, comemorou a chegada e treinamento para inserção de dados no diário antes do início das aulas. “Vai ajudar muito a secretaria e a supervisão de cada escola. Todos poderão trabalhar com rapidez e eficiência, sem esperar pela liberação tardia do sistema,”, disse Peres.

 

Semcom

Below