Connect with us

Hi, what are you looking for?

Mundo

Especialistas americanos estudam ecossistema pós-tsunami no Japão

Equipe norte-americana de especialistas em meio ambiente pesquisou uma região no Nordeste do Japão, atingida por terremoto seguido de tsunami em 11 de março de 2011.

Nessa terça-feira (18), a equipe do Centro de Pesquisa do Meio Ambiente Smithsonian visitou uma lagoa na cidade de Rikuzentakata, na província de Iwate. A lagoa foi conectada ao oceano após o grande tsunami. Obras estão em andamento para construir um quebra-mar visando a substituir bancos de areia que separavam a lagoa do oceano, e que foram levados pelo tsunami. Trabalhadores também estão construindo barreiras ao longo dos rios que desembocam na lagoa.

Pesquisadores analisam a topografia e o fluxo da água para observar se criavam ou não baixios e mangues que recuperassem o ecossistema da lagoa, sem trazer grandes mudanças para as obras.

Recuperar o ecossistema costeiro tem sido um desafio para a cidade, já que a pesca de abalone e outros tipos de vida marinha caiu muito após o desastre.

Os cientistas dizem que se as condições ambientais da lagoa apresentarem melhoras, o mesmo pode ocorrer no mar ao seu redor. A equipe pretende apresentar sugestões ao governo local e outros grupos.

 

 Por NHK* – Tóquio

Faça um comentário

Você pode gostar

Capital

Fundado oficialmente apenas em 1914, o bairro Triângulo é o mais antigo de Porto Velho, abrigava os trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré,...

Capital

Realizado nesta quarta – feira (07), um leilão na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), na qual foram leiloados 22 aeroportos em 12...

Capital

Profissionais de saúde que estão em atividade nas unidades médico-hospitalares públicas e privadas que atendem pacientes diagnosticados com a Covid-19 continuam sendo imunizados pela...

Rondônia

O avanço da covid-19 mantém Rondônia ainda em situação crítica para doença e a população precisa ficar atenta às restrições implementadas pelo Governo de...