Capital Destaques

Estamos à beira de um colapso, diz Fernando Máximo

Divulgação / Secom

Em uma coletiva de imprensa realizada nesta terça-feira (02), o secretário de estado da saúde, Fernando Máximo informou que todos os leitos de UTI da capital de Rondônia estão lotados. “Estamos à beira de um colapso”, frisou o secretário.

O secretário ainda solicitou para as pessoas que ainda não respeitando o isolamento social que comecem a respeitar, pois o estado está entrando em um momento crítico.

Máximo disse que os leitos clínicos ainda possuem vagas para atendimento. O Cemetron possui 56% de ocupação, Hospital Samar possui 68% e Santa Marcelina 90%. Para as pessoas que necessitarem de UTI, o secretário disse que está sendo providenciado os 10 leitos de UTI que estão sendo montado dentro do Pronto Socorro João Paulo II. De acordo com o secretário, nesta quarta – feira (03), o Hospital do Amor entregará 12 leitos de UTI.

Ao ser questionado sobre Lockdown, Fernando Máximo disse que a decisão não cabe a secretária e sim ao Governador. “O Governo do Estado deve conversar com os empresários, cientistas e entender essa possibilidade. O Governador dever anunciar nos próximos dias se vai ter ou não”, declarou.