Mundo

EUA registram mais 1,48 milhão de pedidos pelo auxílio desemprego

O Departamento de Trabalho dos Estados Unidos anunciou nesta quinta-feira que 1,48 milhão de pessoas deram entrada no auxílio desemprego na última semana, ao mesmo tempo que, pela primeira vez em dois meses, baixou de 20 milhões o número de beneficiários do programa.

O número de solicitações desta semana, no entanto, é menor com relação a anterior, em apenas 60 mil. Os prognósticos dos especialistas do setor é que a curva apresentasse redução mais forte, com a quantidade ficando em 1,32 milhão.

“O perigo, agora, é que os pedidos de auxílio desemprego cresçam nos estados onde as infecções aumentam rapidamente”, avaliou Ian Shepherdson, economista-chefe da Pantheon Macroeconomics, em entrevista à emissora americana “CBS”.

Esta é a 14ª semana consecutiva que as solicitações pelo benefício ficam acima da marca de 1 milhão, consequência da pandemia da Covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, que levou a paralisação de diversos setores econômicos.

Nos Estados Unidos, são 2,3 milhões de casos de infecção e 120 mil mortos.

 

Por EFE