Mundo

Evo Morales: “Estou disposto a voltar à Bolívia, e para pacificar, não para ser candidato”

Above

Ex-presidente boliviano, asilado no México, fala com o EL PAÍS sobre a situação de seu país, afirma que é vítima de um golpe de Estado e pede para que parem os confrontos nas ruas

Below