Esporte

FA italiana pede adiamento da Euro 2020 para completar a temporada da Série A

A Federação Italiana de Futebol pediu o adiamento do Euro 2020 para dar tempo para concluir a temporada da Série A, que foi suspensa por causa do coronavírus.

A presidente da Federação, Gabriele Gravina, disse que a idéia será apresentada à Uefa em uma reunião de emergência na terça-feira.

A Série A foi suspensa na última terça-feira, com a Itália o país europeu mais afetado pelo vírus.

“Vamos propor que a Uefa adie o campeonato europeu”, disse Gravina.

Em declarações ao canal de televisão Sportmediaset, o italiano acrescentou: “Vamos tentar chegar ao final deste campeonato [Serie A] porque é mais justo e correto após os muitos investimentos e sacrifícios de nossos clubes”.

A Uefa convidou representantes de suas 55 associações membros para a reunião de videoconferência de terça-feira, com o Euro 2020 a ser realizado de 12 de junho a 12 de julho em locais da Europa.

Os conselhos da Associação Europeia de Clubes e Ligas Européias e um representante do sindicato mundial de jogadores Fifpro também foram convidados e as discussões abrangerão todas as competições nacionais e europeias, incluindo o possível adiamento da Euro 2020 em um ano.

A Federação Italiana de Futebol havia dito anteriormente que a temporada da Serie A pode não estar completa e ofereceu alternativas, incluindo play-offs, não ter um campeão para 2019-20 ou declarar a atual classificação final.

Agora, Gravina espera que a liga termine até 30 de junho, um mês depois do previsto, mas admitiu que poderia ser prorrogada por mais um mês e sugeriu que os jogadores não deveriam treinar no momento.

“Se a liga fosse retomada no início de maio, deixaria a questão do treinamento por enquanto”, afirmou.

“Vamos deixar os meninos em casa, eles precisam recuperar a energia física e mental”.

No domingo, a Itália registrou mais 368 mortes de coronavírus, um novo recorde de um dia no país.

“A temporada da Liga terminará” – Tebas

O presidente da La Liga, Javier Tebas, disse estar “convencido” de que a temporada da primeira divisão espanhola terminará.

A liga foi suspensa na quinta-feira depois que a equipe do Real Madrid entrou em quarentena, enquanto cinco jogadores e funcionários do Valencia testaram positivo para o coronavírus.

A Espanha é o segundo país mais atingido na Europa depois da Itália e deve declarar um bloqueio nacional na segunda-feira.

“Estou convencido de que vamos terminar a temporada. Estamos trabalhando com outras ligas para combinar datas”, disse Tebas à Cadena COPE.

“Eu tive contatos com Itália, Alemanha. A abordagem agora é ver o que acontece na terça-feira com o Euro 2020 e depois decidir.”

“A notícia é ver como terminamos o campeonato se não houver euro porque, se não, vamos ter sérios problemas.

“Precisamos estar de boa saúde, o que é a primeira coisa, é claro. Se as competições forem suspensas, tudo será revisto e a renda será muito menor.”

“Todos os orçamentos das equipes serão comprometidos se a competição não terminar, mas estou convencido de que isso terminará.”

 

Fonte – BBC