Connect with us

Olá, tudo bem? O que você está pesquisando?

Rondônia

Governo disponibiliza mais 21 leitos de UTIs e reforça chamado à contratação de médicos para salvar vidas

O Governo de Rondônia, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), novamente se antecipou e disponibilizou mais 21 leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), sendo 11 novos no Hospital de Campanha de Rondônia e 10 já existentes no Centro de Reabilitação de Rondônia (Cero), para reforçar o atendimento de pessoas com a Covid-19. A necessidade de se abrir leitos surgiu em decorrência da atual e preocupante taxa de ocupação registrada, que chega a 95% da rede pública estadual.

A informação de mais leitos disponíveis de UTIs foi passada no final da tarde de sexta-feira (22), pelo secretário da Sesau, Fernando Máximo, durante coletiva de imprensa ocorrida no Palácio Rio Madeira, quando também alertou para a necessidade de contratação emergencial de médicos, para que possam atuar dentro das UTIs criadas no Hospital de Campanha, região central de Porto Velho, e no Cero, na zona Leste. Conforme explicou o secretário, para colocar em funcionamento os novos leitos abertos, seria necessário contratar, pelo menos, 15 médicos que atuariam em forma de plantão, tanto no Hospital de Campanha quanto no Cero. Fernando Máximo também antecipou que outros 20 médicos estão sendo necessários para que possam atuar no município de Cacoal.

Nos últimos dias, Porto Velho tem vivido um clima preocupante devido ao crescimento de casos do coronavírus. Nas últimas 24 horas, segundo explicou o secretário, 1.422 novos casos de Covid-19 foram registrados, ou seja, o maior número desde o início do enfrentamento da pandemia em Rondônia.

Assim como ocorreu logo no início da pandemia, quando se antecipou a compra de equipamentos, insumos e medicamentos para evitar uma maior gravidade, o Governo do Estado deu mais um importante passo para salvar vidas e determinou a abertura de novos leitos. Fernando Máximo falou da importância dos 21 leitos anunciados durante a coletiva de imprensa, que ainda dependem de médicos para que possam entrar em atividade, pois surgiram novos profissionais, mas não foi suficiente, mesmo com o incentivo do governo estadual. Outros leitos de UTIs já haviam sido disponibilizados nos últimos dias, sendo oito no Cero, oito no Hospital Samar e oito no Cemetron, porém, todos já estão no limite de ocupação.

O secretário deixou claro que por determinação do governador, Marcos Rocha, todos os esforços estão sendo mantidos para que Rondônia não sofra um maior impacto da pandemia, assim como tem acontecido em outros Estados. “Estamos acelerando tudo para que novos leitos sejam abertos. Infelizmente, estamos esbarrando na falta de médicos. Estamos com necessidade desses profissionais, especialmente para atender nos novos leitos de UTIs e clínicos que estão sendo abertos”, disse o Fernando Máximo, enfatizando, inclusive, que o Governo de Rondônia tem feito chamamento para a contratação emergencial, mas é preciso que esses profissionais se manifestem para somar com essa missão de salvar vidas.

VACINA

Ao tecer comentários sobre a vacina contra a Covid-19, o secretário esclareceu que todas as doses recebidas no início da semana já foram distribuídas às Regionais de Saúde do Estado e, de lá, foram distribuídas aos municípios de cada região. Segundo ele, cabe ao município a execução da vacinação atendendo ao que determina os Planos apresentados pelos governos Federal e de Rondônia.

Fernando Máximo também demonstrou alegria ao anunciar, no momento de coletiva com a imprensa, que o avião que transportava os dois milhões de doses da vacina de Oxford, produzidas no Instituto Serum, na Índia, chegou a São Paulo na tarde de sexta-feira (22), após o governo indiano autorizar as exportações comerciais do imunizante. O secretário da Sesau afirmou que ainda não há previsão da quantidade que será destinada para Rondônia, pois o assunto ainda deve ser discutido em reunião que será realizada neste sábado (23).

SESAU

Faça um comentário

Você pode gostar

Brasil

Em 09 de julho de 2020 o senador Randolfe fez uma live com seus heróis médicos, que salvaram muitas vidas no Amapá usando um...

Brasil

    Na minha contínua necessidade de “ler o mundo”, um dos caminhos é a leitura de jornais. Essa “troca de ideias” com pessoas...

Contraponto

[Tendo em vista (i) o impacto dos acontecimentos recentes na França e (ii) a profundidade da análise feita por Theodore Dalrymple, peço licença a...

Mundo

Atualmente, é comum que navegadores de internet como o Google Chrome ou o Safari já venham de fábrica instalados diretamente nos sistemas operacionais. Porém,...