Capital Destaques Economia

Hildon reafirma pedido para portovelhenses ficarem em casa e anuncia medidas para classe empresarial

O prefeito de Porto Velho Hildon Chaves (PSDB), reafirmou na tarde desta quarta-feira (25) que as medidas de prevenção ao avanço do Coronavírus vão continuar, mesmo após a posição do presidente Jair Bolsonaro na noite anterior. “Acompanhamos o entendimento da comunidade cientifica Internacional, de 157 países, incluindo o nosso, de todas as autoridades de saúde pública do país, que divergem do entendimento do presidente, e fico ao lado da comunidade cientifica e vamos dar continuidade às medidas já adotadas e na próxima segunda-feira vamos reavaliar a eficácia”, declarou.

Hidon convocou a imprensa da Capital para anunciar, ao lado do secretário da Fazenda, João Altair Caetano dos Santos, uma série de metidas de providencias para minimizar os problemas principalmente da classe empresarial, para evitar um caos econômico no Município. São essas:

Prorrogação por 90 dias o vencimento do Imposto Sobre Serviço (ISS) para empresas ligadas ao Simples, o que atende 95% dos pequenos negócios;
Prorrogação do Imposto Predial e Territorial (IPTU) e taxa de lixo para 31 de maio com possibilidade de parcelamento
Prorrogação de licenças e alvarás para até 31 de maio;
Certidões negativas terão validade por mais 90 dias;
Prorrogação por 90 dias de alvarás da vigilância sanitária;
Prorrogação por 60 dias de alvarás ambientais

Ao final da coletiva o prefeito foi taxativo: “Fiquem em casa”.

 

*Informações do Rondoniagora