Capital Rondônia

Hospitais de Porto Velho não manifestam interesse em licitação para locação de leitos

Não apareceu um único interessado no pregão da última quinta-feira (28), marcado pela Superintendência Municipal de Licitações (SML) para contratação de 50 leitos hospitalares por 90 dias, para atender pacientes do novo Coronavírus em Porto Velho.

O prefeito Hildon Chaves tomou a decisão de alugar a estrutura hospitalar após reunião com a equipe do Governo do Estado, quando foram apresentados dados alarmantes do avanço da doença em Porto Velho. Naquele momento, Rondônia registrava pouco mais de 3 mil casos de pessoas infectadas pela Covid-19. Hoje, segundo dados da Sesau, esse número salto ou para 5.100 casos. O objetivo da Prefeitura era alugar por 3 meses 45 leitos normais e 5 de UTI com fornecimento de mão de obra qualificada na área de Saúde.

O prefeito Hildon Chaves não se manifestou sobre uma eventual repetição do edital.

Rondôniagora