Connect with us

Hi, what are you looking for?

politica

Lazinho da Fetagro propõe isenção de imposto para redução no preço do gás de cozinha

O deputado estadual Lazinho da Fetagro (PT) indicou ao Governo do Estado e à Secretaria de Estado de Finanças (SEFIN) a necessidade de ser reduzido a zero o Imposto sobre a Circulação de Mercadorias (ICMS) incidente sobre o combustível residencial Gás Liquefeito de Petróleo (GLP/gás de cozinha) por um período mínimo de 90 dias, exigindo e fiscalizando do fornecedor que essa redução chegue ao consumidor, dentro do Estado de Rondônia.

“Não há dúvidas de que o consumo do gás de cozinha aumentou devido à pandemia e ao isolamento em casa. E esse foi um dos produtos que mais sofreu ajuste desde o ano passado, ultrapassando o valor de R$ 100 em alguns dos nossos municípios. O preço da botija de gás tem um peso enorme no orçamento das famílias, principalmente das mais carentes. É importante que o Poder Executivo viabilize um incentivo levando alívio e economia na hora de preparar alimentos, ainda que seja por um tempo determinado, pois é ainda mais massacrante submeter às famílias a essas oscilações do mercado”, ressaltou o parlamentar.

O deputado Lazinho da Fetagro ainda destacou em sua indicação ser importante que a medida seja imposta ao fornecedor e fiscalizada pelo governo da efetiva aplicação da redução ao consumidor final, “pois de nada adianta zerar a alíquota se o consumidor não for efetivamente beneficiado.”

“Se nosso Estado zerar a alíquota do gás de cozinha, certamente será uma medida essencial à população porque o gás não é um item dispensável, e toda e qualquer redução financeira representará alívio para as famílias”, reforçou.

Assessoria

Faça um comentário

Você pode gostar

Capital

Fundado oficialmente apenas em 1914, o bairro Triângulo é o mais antigo de Porto Velho, abrigava os trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré,...

Capital

Realizado nesta quarta – feira (07), um leilão na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), na qual foram leiloados 22 aeroportos em 12...

Capital

Profissionais de saúde que estão em atividade nas unidades médico-hospitalares públicas e privadas que atendem pacientes diagnosticados com a Covid-19 continuam sendo imunizados pela...

Brasil

Falta de matéria-prima importada ameaça fabricação de imunizantes contra a covid no país. IFA que chegaria esta semana para o Butantan só desembarca na...