Destaques politica

Marcos Rocha e assessores gastam mais de R$ 35 mil em uma viagem

Divulgação

Quantia gasta para ir a evento em São Paulo poderia ser investida em saúde, educação e esporte

Os gastos feitos pelo governador do Estado de Rondônia, Marcos Rocha (sem partido), têm chamado atenção depois de ele dizer em uma live feita no dia 19 de abril em seu perfil pessoal no Facebook que não recebeu R$ 100 mil em diárias. No vídeo, o governador falou que as afirmações sobre os valores recebidos se tratavam de fake news, mas, 10 dias após a transmissão, um órgão federal de checagens de notícias revelou que Marcos Rocha recebeu desde o primeiro dia de seu mandato até 14 de março de 2020 um valor de R$ 100.370,00 em diárias.

Parte do valor exposto foi gasto em uma viagem entre os dias 22 e 29 de março de 2019. Acompanhado por Valdemir Carlos de Góes e Julio César Peres de Morais, respectivamente Secretário Chefe e Agente de Segurança da Casa Militar, Marcos Rocha foi para São Paulo para participar do “Fórum Permanente de Artes Marciais”, que aconteceu em 23 de março e teve duas horas de duração. Ele também chegou a se reunir com o governador daquele Estado, João Dória (PSDB), e seguiu para Brasília.

Veja aqui as passagens

O relatório de prestação de contas aponta para a viagem citada acima foi destinado aos três um total de R$ 35.280,77, sendo que desse valor R$ 18.720,00 eram de diárias, e o restante em passagens. Todas as informações foram passadas pelo portal e-Sic, conforme a Lei da Transparência, Lei Federal Nº 12.527, de 18 de novembro de 2011 e a Lei Estadual Nº 3.166, de 27 de agosto de 2013, que regulam o acesso às informações de cunho público.

RECURSOS PODERIAM IR PARA SAÚDE, EDUCAÇÃO OU ESPORTE

O valor gasto por Marcos Rocha e seus acompanhantes em sete dias de viagem é igual a oito meses de salário de um enfermeiro, ou, pagaria um técnico de enfermagem por quase dezessete meses. Os valores estão de acordo com o piso salarial ético estipulado pelo Conselho Regional de Enfermagem de Rondônia (Coren-RO).

Em outra comparação, com R$ 35.280, 77 é possível comprar quase 650 caixas de 30 comprimidos de Hidroxicloroquina, medicamento que em uma drogaria consultada custa R$ 54,59 e seu uso é defendido pelos seguidores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Porém, é importante lembrar que não há evidência científica sobre a eficácia da cloroquina no tratamento da Covid-19 e o Conselho Federal de Medicina não recomenda seu uso.

Se dividirmos a quantia pelo atual salário dos Profissionais da Rede Pública de Educação Básica, R$ 2.886,24, seria igual a um ano de pagamento de um professor, de acordo com o piso salarial a partir de 2020 .

Devemos lembrar que, no ano anterior, alunos do Projeto Bushidô, que oferta aulas de jiu-jítsu gratuitas para crianças e adolescentes da rede pública de ensino em Vilhena, venderam água em um semáforo para arrecadar dinheiro e poder participar de competições em outras cidades.

Vale ressaltar que nenhum atleta rondoniense recebeu do governo local atual tamanha ajuda financeira para disputar campeonatos estaduais, ou em outros estados, mesmo que tenha ido para representar Rondônia.

Live do Governador

Como citado anteriormente, o Governador Marcos Rocha, realizou uma live no dia 19 de abril. A citação sobre as passagens está no trecho entre 25 a 28 minutos do vídeo abaixo.

Acompanhe:

Texto de Jéssica Chalenga