Connect with us

Hi, what are you looking for?

politica

Marcos Rogério solicita mais doses da vacina contra a Covid-19 para Rondônia

Nas últimas semanas, Rondônia registrou um aumento exponencial no número de casos do novo Coronavírus. O estado já contabiliza mais de 145 mil casos da Covid-19, cerca de 15 mil pessoas estão na fase ativa da doença e mais de 2.700 já morreram no estado. Com a elevação de casos confirmados a cada dia, as unidades de saúde públicas e privadas estão sobrecarregadas e o sistema de saúde de Rondônia em colapso. Não há leitos de UTI disponíveis para os pacientes e faltam médicos e enfermeiros. Em consequência disso, muitos pacientes estão sendo transferidos para outras unidades da federação. Em vista desse cenário, o vice-líder do Governo no Congresso, senador Marcos Rogério (DEM-RO), enviou nesta quinta-feira (25.02) um ofício ao Ministério da Saúde solicitando um incremento na quantidade de vacinas contra a Covid- 19 a serem enviadas para Rondônia. De acordo com o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, o estado receberá 1.400 doses da vacina Sinovac/Butantan e 4.000 doses da vacina AstraZeneca/Fiocruz, enquanto o Acre, por exemplo, receberá 8.400 doses da vacina Sinovac/Butantan e 13.500 da vacina AstraZeneca/Fiocruz. “No documento solicito ao ministro Eduardo Pazuello a revisão dos critérios de distribuição da vacina para Rondônia, que estão desproporcionais. O estado possui população maior e apresenta taxas de mortalidade e incidência da Covid superiores às registradas no Acre, que será contemplado com mais doses do imunizante”, explicou o senador Marcos Rogério. Ainda segundo o senador rondoniense, o aumento no número de vacinas a serem distribuídas para Rondônia seria fundamental para conter avanço da doença no estado, que se encontra num estágio epidemiológico calamitoso. “Embora estejamos todos trabalhando para adquirir mais insumos e equipamentos para o tratamento da Covid em Rondônia, e ampliando a contratação de profissionais e as medidas de isolamento social, a situação de calamidade pública atual no estado exige ações de intervenção preventiva contra a doença como, por exemplo, garantir a imunização da maior parcela da população possível”, concluiu Marcos Rogério.

Assessoria

Faça um comentário

Você pode gostar

Capital

Fundado oficialmente apenas em 1914, o bairro Triângulo é o mais antigo de Porto Velho, abrigava os trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré,...

Capital

Realizado nesta quarta – feira (07), um leilão na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), na qual foram leiloados 22 aeroportos em 12...

Capital

Profissionais de saúde que estão em atividade nas unidades médico-hospitalares públicas e privadas que atendem pacientes diagnosticados com a Covid-19 continuam sendo imunizados pela...

Rondônia

O avanço da covid-19 mantém Rondônia ainda em situação crítica para doença e a população precisa ficar atenta às restrições implementadas pelo Governo de...