Destaques

Ministro do STJ nega habeas corpus a dois prefeitos e ex-deputado presos na Operação Reciclagem

Divulgação

O ministro Joel Ilan Paciornik, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou nesta quarta-feira (30) o pedido de liminar do habeas corpus de dois prefeitos Glaucione Rodrigues (de Cacoal) e Luiz Ademir Schock (de Rolim de Moura); além do ex-deputado Daniel Neri (marido de Glaucione). Todos foram presos por envolvimento em um suposto esquema de propina.

Na terça-feira (29), a defesa dos três políticos havia pedido para o STJ substituir a prisão preventiva dos suspeitos para prisão domiciliar. Com a decisão do ministro, Glaucione, Luiz Shock e Daniel Neri seguem presos preventivamente no quartel da PM em Ji-Paraná.

A decisão monocrática do ministro Joel Ilan Paciornik, cabe recurso e o habeas corpus deve continuar tramitando no STJ até a decisão do colegiado da corte.