Capital Economia Rondônia

Natal Azul é lançado em Porto Velho em busca de aquecimento nas vendas de fim de ano

O Sebrae em Rondônia, em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Velho (CDL) lançou nesta quarta-feira 28, a Campanha Natal Azul. O objetivo é reunir lojistas da capital e disponibilizar a eles, ferramentas para que possam otimizar suas vendas de fim de ano, em uma iniciativa híbrida (presencial e on line), em uma união de esforços para trazer esperança a lojistas da capital, que sofrem com as quedas nas vendas, ocasionadas pela pandemia causada pelo Coronavírus.

“Nós estamos disponibilizando uma experiência inovadora, dentro do momento que vivemos; potencializando a comercialização das empresas do varejo, tanto do aspecto físico, como aspecto visual; ou seja, a migração das empresas para o on line. Com isso, vamos fazer um movimento promocional de divulgação ampla, no qual nós pretendemos contribuir pra performance do varejo, este ano”, explica Samuel Almeida – diretor Técnico do Sebrae/RO.

Para a presidente da CDL/PVH, Joana Joanora, “Este é um momento ímpar, onde, mais uma vez, a parceria com o Sebrae vem apresentar uma saída para esse momento tão difícil que os lojistas de Porto Velho, com a chegada da Covid 19”, disse ela. “Essa parceria que já temos anos e anos com o Sebrae, sempre deu certo; e agora, o Natal Azul é mais uma alavancada nas vendas, pois vai trazer uma grande vantagem para o lojista, que tanto vai vender presencial, como on line. Com isso, a CDL, junto com o Sebrae vão fazer um grande negócio para essa implementação das vendas, e até, um estreitamento com os empresários e com os lojistas de Porto Velho”, completou Joanora.

Aquecimento nas vendas é o que acredita e torce para acontecer, com essa ação do Sebrae e CDL, o empresário Francisco Holanda, presidente do Instituto de Ação Empresarial de Rondônia e membro do grupo Pensar Rondônia, um comitê que discute estratégias junto ao Poder Público para o enfrentamento à crise do Coronavírus: “Após uma pandemia dessa, a ação é de fundamental importância para o aquecimento das vendas nos meses de novembro e dezembro para os empresários, principalmente, os empresários da área de confecção, calçados, presentes e brinquedos”, comenta Holanda.

Para o diretor da Fecomércio, José Nilson, o momento pede uma união de todos, principalmente, da comunidade que precisa investir no comércio para o fortalecimento do mesmo, e com isso, melhorar a economia e gerar mais empregos. “ Hoje, nós estamos fazendo este lançamento; é uma data muito importante, e quero fazer um pedido para toda a população, que prestigie o nosso comercio local, que gaste o seu dinheiro, aqui dentro do estado para estimular o comercio local, e assim gerar mais emprego pra todo mundo, e todos ficarem mais felizes no Natal”.

Para o diretor superintendente do Sebrae em Rondônia, Daniel Pereira, é uma inciativa que reflete o momento atual: “Todos nós tivemos que nos reinventar e nos adaptar a um novo desafio e alcançar os mesmos resultados anteriormente previstos e temos certeza que os lojistas participantes desta edição do Natal Azul estarão aptos a darem passos gigantescos

O Natal Azul é uma campanha adaptada ao novo normal. Um evento híbrido onde haverá tanto o presencial quanto o remoto. É uma ação de varejo com lojas com produtos em promoção que atingirão tanto o cliente que visita a loja fisicamente como também, em um esforço de promoção de vendas, os participantes terão suas empresas figurando na maior vitrine on line desenvolvida pelo Sebrae em nível nacional: a plataforma Mercado Azul.

Para o empresário que quiser aderir ao projeto Natal Azul, as inscrições já estão abertas e vão até o dia 16 de novembro, no site: www.sebrae.ro/natalpvh. Os 100 primeiros inscritos vão receber consultorias gratuitamente. Neste momento, a fase é de prospecção das empresas que farão parte da iniciativa e que ganharão consultorias diversas do Sebrae, como vendas, marketing digital, finanças, entre outras.

O lançamento que aconteceu no auditório da CDL/PVH e reuniu a imprensa, além de representes da Fecomércio, do Instituto de empresarial de Rondônia.

Assessoria