Mundo

O presidente da China afirma que surto do coronavírus é a maior crise de saúde da história do país

Em declaração neste domingo (23/02), o presidente de China, Xi Jinping, admitiu que o surto do novo coronavírus (Covid-19, segundo seu nome científico) gerou a maior crise de saúde desde a fundação da República Popular China. A informação é da agência chinesa Xinhua. Antes do pronunciamento, Xi participou de uma reunião de coordenação das atividades de controle e prevenção do Covid-19. O mandatário afirmou que novas medidas serão anunciadas nos próximos dias, já que “o momento atual é crucial para frear de uma vez a propagação da doença”.

“Esta crise também é um teste para o nosso país, e estamos respondendo com um trabalho preciso do nosso Comitê de Saúde, e do Comitê Central do Partido Comunista de China, com procedimentos operativos que são oportunos e que já estão surtindo efeito”, afirmou Jinping.

Segundo o presidente, o objetivo mais importante é controlar o foco principal do surto, na cidade de Wuhan. Os trabalhos para evitar que a epidemia se dissemine pelas grandes metrópoles do país, como Pequim e Xangai, também tem prioridade.

Xi Jinping também disse que a epidemia terá impacto na economia e na sociedade chinesa, mas assegurou que esses efeitos serão “curtos e controláveis”.

“Os fundamentos do sólido crescimento econômico da China a longo prazo se mantêm intactos, e superaremos este obstáculo mais cedo do que imaginam” concluiu o presidente.

  • Fonte: RevistaForun.com