Connect with us

Hi, what are you looking for?

Capital

O rio Madeira está três metros abaixo do nível, em relação ao ano passado

A Defesa Civil do Município de Porto Velho está reforçando o trabalho de monitoramento quanto a elevação do nível do rio Madeira, especialmente em função dos fenômenos naturais ocorridos no rio Beni, na Cordilheira dos Andes, Bolívia.

Para a Defesa Civil, não há motivos para pânico.

Como as águas que descem das cordilheiras em direção ao norte chegam até o rio Madeira, influenciando no comportamento do nível do mesmo, a Defesa já vem acompanhando os dados repassados por instituições como Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), Agência Nacional das Águas e Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM), além do monitoramento em campo dos colaboradores da Defesa.

Na última quarta-feira (6), o nível do rio Madeira marcou 10,40 metros, três metros abaixo do mesmo período do ano passado, porém ainda dentro da normalidade.

A Defesa Civil informou que na medida que o nível do rio se eleva, as equipes intensificam o trabalho de monitoramento das áreas que alagam no período de cheia.

Edmilson Hobold Machado, coordenador da Defesa Civil, explicou que na medida em que o nível do rio vai elevando, a Defesa Civil comunica os moradores das áreas de risco através das redes sociais, televisões e rádios sobre a elevação. “Então, o nosso papel é fazer isso e vem sendo feito diariamente, tranquilizando a população”, disse.

O coordenador ainda disse que a Defesa Civil realizará na próxima terça-feira uma vistoria na região do baixo Madeira para monitorar e conversar com os moradores de São Carlos, Nazaré, Calama e Demarcação e as demais comunidades ribeirinhas.

 

Faça um comentário

Você pode gostar

Capital

Fundado oficialmente apenas em 1914, o bairro Triângulo é o mais antigo de Porto Velho, abrigava os trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré,...

Capital

Realizado nesta quarta – feira (07), um leilão na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), na qual foram leiloados 22 aeroportos em 12...

Capital

Profissionais de saúde que estão em atividade nas unidades médico-hospitalares públicas e privadas que atendem pacientes diagnosticados com a Covid-19 continuam sendo imunizados pela...

Brasil

Falta de matéria-prima importada ameaça fabricação de imunizantes contra a covid no país. IFA que chegaria esta semana para o Butantan só desembarca na...