Connect with us

Hi, what are you looking for?

Rondônia

Jogador diz ter sido vítima de racismo durante partida do Campeonato Rondoniense

GE – Ao final da partida entre Guaporé e União Cacoalense, o atleta Ivanilson da Silva Gabriel, conhecido como Tatuí, foi a 1ª delegacia de Polícia Civil de Rolim de Moura para registrar um boletim de ocorrência de racismo, preconceito e discriminação. O União Cacoalense afirma que seguirá com o processo contra o infrator.

Segundo o registro da delegacia, Tatuí relatou que durante o confronto, ao sair a bola pela linha lateral, o gandula demorou a repor a bola. Nesse momento, ele pediu para que agilizasse. Ainda de acordo com o relato, um homem presente na arquibancada se dirigiu a ele mandando que ele se “calasse e o chamando de preto e crioulo de modo pejorativo”. Na ocorrência ainda é afirmado que o envolvido se identificava como diretor do Guaporé.

Uma equipe de reportagem entrou em contato com o Guaporé que afirmou que se tratava de um dos convidados para assistir o confronto por parte da prefeitura de Rolim de Moura. Já a prefeitura afirma que não efetuou nenhum convite para o duelo.

O decreto da cidade sede do jogo permite um número limitado de pessoas no local.

Sumula de Guaporé x União Cacoalense — Foto: Divulgação

Globo Esporte

Faça um comentário

Você pode gostar

Brasil

Em 09 de julho de 2020 o senador Randolfe fez uma live com seus heróis médicos, que salvaram muitas vidas no Amapá usando um...

Brasil

    Na minha contínua necessidade de “ler o mundo”, um dos caminhos é a leitura de jornais. Essa “troca de ideias” com pessoas...

Contraponto

[Tendo em vista (i) o impacto dos acontecimentos recentes na França e (ii) a profundidade da análise feita por Theodore Dalrymple, peço licença a...

Rondônia

O Governo de Rondônia, por meio da Agência Estadual de Vigilância em Saúde (Agevisa) e a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), divulga balanço...