Mundo

OMS diz que novos confinamentos devem ser “último recurso” para a Europa

O porta-voz da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tarik Jasarevic, admitiu nesta terça-feira que medidas drásticas, como voltar ao confinamento em alguns países, devem ser o último recurso nos países da Europa na luta contra a propagação do novo coronavírus.

“Grandes restrições de movimento, que mantêm muita gente em casa e limitam a possibilidade de muitos trabalharem e socializarem, devem ser o último recurso na hora de prevenir a Covid-19 e evitar que os sistemas de saúde fiquem saturados”, explicou o representante da agência, em entrevista coletiva.

Por EFE