Mundo

Papa faz oração pelo fim da pandemia em uma Praça de São Pedro vazia

Em uma Praça de São Pedro completamente vazia, algo inédito na milenar história da Igreja Católica, o papa Francisco realizou, nesta sexta-feira, a bênção extraordinária Urbi et Orbi, na intenção do fim da pandemia do novo coronavírus. Além disso, concedeu indulgência plenária, ou seja, o perdão dos pecados, aos fiéis.
O pontífice pediu para Deus “olhar a dolorosa situação” da humanidade. “Deus onipotente e misericordioso, conforta teus filhos e abre nossos corações à esperança, porque sentimos sua presença de Pai em nosso meio”, disse, ao abrir a oração.
O papa também pediu aos católicos que tenham paciência e demonstrem união. Afirmou ainda que, em meio a um momento de caos social, é necessário priorizar as vidas. “É tempo de separar aquilo que é necessário daquilo que não é (…) Estamos todos no mesmo barco, todos.”

Crucifixo Milagroso

Na Praça de São Pedro, onde ocorreu a bênçao, estava um crucifixo considerado milagroso. A peça religiosa, de mais de 500 anos, usada para conter uma peste na Itália em 1522, foi levada ao Vaticano para a celebração pelo fim do coronavírus.

Itália 

bênção de Francisco reforça a gravidade da emergência global, principalmente na Itália, um dos países mais atingidos pela Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.
Itália anunciou, nesta sexta-feira (27), um novo recorde, de quase mil mortes causadas pelo novo coronavírus em 24 horas, número que nenhum outro país alcançou até agora, segundo dados oficiais da Proteção Civil.
Fonte: Estado de Minas