Mundo

Pesquisadores de buracos negros conquistam Nobel de Física 2020

O britânico Roger Penrose, o alemão Reinhard Genzel e a americana Andrea Ghez são os vencedores do Prêmio Nobel de Física 2020, por suas descobertas sobre buracos negros e sua relação com a Teoria da Relatividade, e por encontrar o que seria um deles no centro da Via Láctea, anunciou nesta tetça-feira a Academia Real das Ciências da Suécia, em Estocolmo.

Penrose receberá o prêmio pela “descoberta de que a formação de buracos negros é uma previsão robusta da Teoria Geral da Relatividade”, formulada por Albert Einstein há mais de 100 anos.

Por EFE