Connect with us

Hi, what are you looking for?

Capital

Polícia Militar Comunitária promove ação social “Adote uma cartinha” para doações às crianças de conjunto habitacional

Amor em forma de atitude. É com esse propósito que o Núcleo de Polícia Comunitária do 9º Batalhão da Polícia Militar deu início ao projeto social “Adote uma cartinha”, em alusão ao período natalino que se aproxima. A ideia é levar alegria para as crianças carentes do Conjunto Habitacional Morar Melhor, na Capital, através de doações de presentes.

O Núcleo da Polícia Comunitária conta com a participação da população através da adoção de cartinhas escritas pelas crianças. O projeto funciona da seguinte forma: motivadas pelos familiares, as crianças fazem uma carta descrevendo o seu pedido de presente de Natal e depositam na caixa colocada em um ponto estratégico do próprio conjunto habitacional. As cartas estarão disponíveis para serem adotadas por voluntários. Os presentes dos doadores serão recolhidos e entregues às crianças na semana do Natal.

Cerca de 2.500 crianças, na faixa etária de até 11 anos, serão contempladas pelo projeto. Crianças com idade superior irão concorrer a sorteios. O sargento Botelho, um dos idealizadores do projeto explica que a ação é uma das diferentes formas de estreitar o relacionamento com a comunidade. E trabalhos como este junto aos moradores tem gerado bons resultados. “Essa é uma grande oportunidade de mostrar para a comunidade que a Polícia Comunitária tem o interesse em colaborar com todos e para nós é muito gratificante estar envolvido nesse projeto capaz de fazer a diferença no Natal dessas crianças”, observou.

 ADOTE UMA CARTINHA E RECEBA SORRISOS DE PRESENTE

Quer ser um padrinho e madrinha do projeto? Para participar é bem simples. Basta preencher ao formulário de cadastramento e após o dia 16 de novembro as cartinhas começarão a ser entregues para as pessoas que desejam fazer uma criança feliz nesse Natal. A doação dos brinquedos, em bom estado de uso, pode ser feita no próprio batalhão ou, se o participante preferir comprar o presente, pode deixar o brinquedo na loja e informar à equipe da Polícia Comunitária para ir ao local retirar.

A entrega dos brinquedos no Morar Melhor está prevista para 25 de dezembro, a partir das 14h, com uma programação recheada de atividades recreativas, apresentação musical e muito mais. Porém, dependendo do cenário de pandemia, a distribuição dos brinquedos poderá ser feita de casa em casa. O Núcleo de Polícia Comunitária do 9º BPM busca parcerias de empresas, instituições e pessoas físicas que tenham o interesse em colaborar com brinquedos, roupas e alimentos para melhor atender a comunidade. Os donativos podem ser entregues no 9º Batalhão da Polícia Militar, até o dia 15 de dezembro.

Essa é apenas uma das ações sociais desenvolvidas pela Polícia Militar Comunitária. Em 2019, o projeto social resultou em 500 brinquedos doados para crianças de baixa renda. A expectativa é que outros projetos sejam realizados em prol das comunidades carentes, com intuito de aproximar cada vez mais a Polícia Militar da população em geral, através do ato de solidariedade. Para mais informações sobre o projeto social “Adote uma cartinha”: (69) 9 9920-9392.

PM/RO

Faça um comentário

Você pode gostar

Capital

Fundado oficialmente apenas em 1914, o bairro Triângulo é o mais antigo de Porto Velho, abrigava os trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré,...

Capital

Realizado nesta quarta – feira (07), um leilão na B3 (Bolsa de Valores de São Paulo), na qual foram leiloados 22 aeroportos em 12...

Capital

Profissionais de saúde que estão em atividade nas unidades médico-hospitalares públicas e privadas que atendem pacientes diagnosticados com a Covid-19 continuam sendo imunizados pela...

Brasil

Falta de matéria-prima importada ameaça fabricação de imunizantes contra a covid no país. IFA que chegaria esta semana para o Butantan só desembarca na...