Capital Saúde

Prefeitura, AMA e Pestalozzi se reúnem para definir parceria

Above

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Educação Semed, se reuniu com a Associação de Pais e Amigos dos Autistas (AMA), e Associação Pestalozzi de Porto Velho para firmar parceria para que a Prefeitura ofereça capacitação específica para que os servidores da rede municipal que atuam na AMA, APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais) e Associação Pestalozzi, sejam qualificados para atender as necessidades especiais desses alunos.

O Transtorno do Espectro Autista (TEA) ou Autismo, como é conhecido, é uma condição geral para um grupo de desordens complexas do desenvolvimento do cérebro. Esses distúrbios se caracterizam pela dificuldade na comunicação social e comportamentos repetitivos.

O objetivo é capacitar os profissionais para que tenham condições de trabalhar com a inclusão e na inclusão. Assim, é importante que os professores estejam aptos a atuar com os alunos autistas a fim de que estes se desenvolvam em todos os seus aspectos: físico, afetivo, social e cognitivo.

Serão oferecidas mil vagas para o Programa Porto Velho em Ensino Estruturado sobre Transtorno do Espectro Autista – TEA. Será um curso de aperfeiçoamento, na mobilidade híbrida, presencial e EaD, compostos por Workshops com aulas e encontros presenciais, seminários de integração e cursos online complementares.

Tudo pelo Instituto Superior de Formação Continuada LTDA (ISFC – “INFOCO”), para qualificação de servidores da Rede Municipal de Ensino e servidores das Instituições parceiras da Semed que firmaram termo de cooperação técnica.

Para o secretário Municipal de Educação, Márcio Félix, essa parceria será muito importante para o município, em função das dificuldades que essas crianças enfrentam em seu cotidiano, “Saber que podemos ajudar é gratificante”, afirmou o secretário.

“Conhecer o autismo é imprescindível para que caminhemos rumo a uma sociedade inclusiva, consciente e capaz de valorizar a evolução que o convívio com as diferenças lhe permite”, explanou a secretária adjunta Gláucia Negreiros.

  • FONTE

https://www.portovelho.ro.gov.br/

Below