Connect with us

Hi, what are you looking for?

Rondônia

Profissionais de Saúde do Hospital Regional de Cacoal participam de treinamento para reabilitação de pacientes com Covid-19

Profissionais de Saúde atuantes no enfrentamento à Covid-19 no Hospital Regional de Cacoal participam de treinamento ofertado pelo Hospital Sírio-Libanês, que busca promover a reabilitação hospitalar de pacientes após a alta do cuidado intensivo da doença.

O “Projeto Reab Pós-Covid-19” é executado por meio do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do Sistema Único de Saúde (Proadi-SUS), do Ministério da Saúde, e chegou a Rondônia, sendo incansável na busca de ações que otimizem o tratamento da doença ocasionada pelo novo coronavírus.

Além do Hospital Regional de Cacoal, a equipe do Sírio-Libanês já esteve em Porto Velho, onde implantou o mesmo projeto no Hospital de Campanha Regina Pacis, no Hospital de Campanha Unidade II zona Leste e no hospital de Assistência Médica Intensiva (AMI 24h). Compõe a equipe do Sírio-Libanês, o médico infectologista, Brunno Cocentinno, a administradora hospitalar, Isabella Almeida, e o consultor, Rafael Esteves. Também integra a equipe que está em Cacoal, para a implantação do Projeto Reab Pós-Covid-19, o representante do Ministério da Saúde, senhor Irgo Mendonça.

Segundo o consultor do Hospital Sírio-Libanês, o projeto, que já é desenvolvido em outros estados brasileiros, chega a Rondônia para otimizar o atendimento prestado aos pacientes infectados pela Covid-19. “Esse projeto tem por intenção aumentar o giro de leitos de enfermarias e das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) com segurança para os pacientes, ao mesmo tempo que aumenta a oportunidade de mais pacientes serem atendidos, sem a necessidade de abertura de novos leitos. Ou seja, a ideia é acelerar a alta de pacientes, de forma segura, através das ferramentas que estão sendo implantadas”, explicou Rafael Esteves.

O diretor do Complexo Hospitalar Regional de Cacoal, responsável também pelo Hospital de Urgência e Emergência Regional (Heuro), João Henrique Paulo Gomes, ressaltou a satisfação dos profissionais de Saúde ao ter a oportunidade de receber este treinamento. “Nós queremos agradecer aos 26 participantes da equipe multiprofissional do HRC, que têm se dedicado ao máximo no enfrentamento da doença e tiveram o comprometimento e o envolvimento para participar deste projeto. Ficamos muito contentes, pois fomos elogiados pelos profissionais do Sírio-Libanês, pelo envolvimento e conhecimento que demonstramos dos processos de trabalho no Hospital. Isso nos alegra e nos motiva e enorme satisfação”, destacou João Henrique.

Além do treinamento presencial que está sendo realizado nesta semana no Hospital Regional de Cacoal, toda a equipe terá acesso a aulas e consultorias online junto à equipe do Hospital Sírio-Libanês.

Na manhã de terça-feira (17), o secretário executivo Regional de Governo de Rondônia em Cacoal, José Moura, esteve no HRC acompanhando parte do treinamento. Na oportunidade, ele agradeceu a dedicação tanto dos profissionais do Sírio Libanês, como também do Hospital Regional, na busca de ferramentas que possibilitem melhorar ainda mais o atendimento ofertado aos pacientes acometidos pela Covid-19.

“É sensacional ver esta parceria entre o Ministério da Saúde, o Hospital Sírio-Libanês e o Governo de Rondônia, com o objetivo principal de aprimorar as ferramentas de assistência e otimizar os fluxos de intervenção em pacientes com a Covid-19 para uma alta segura. Nós temos acompanhado de perto a atuação do governador, Marcos Rocha, da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) e de todo o Governo, para garantir um tratamento humanizado ao maior número de pessoas, onde somar esforços com outras instituições enriquece ainda mais este processo”, enfatizou Moura.

SESAU

Faça um comentário

Você pode gostar

Brasil

    Na minha contínua necessidade de “ler o mundo”, um dos caminhos é a leitura de jornais. Essa “troca de ideias” com pessoas...

Capital

Profissionais de saúde que estão em atividade nas unidades médico-hospitalares públicas e privadas que atendem pacientes diagnosticados com a Covid-19 continuam sendo imunizados pela...

Cultura

Oi, aqui é o Álisson, prazer, quem me conhece pessoalmente sabe que sou bocudo  –  em várias variáveis, inclusive. Começo pelo meu fenótipo: boca...

Capital

Fundado oficialmente apenas em 1914, o bairro Triângulo é o mais antigo de Porto Velho, abrigava os trabalhadores da Estrada de Ferro Madeira Mamoré,...