Rondônia

Projetos literários desenvolvem leitura e escrita no Sistema Socioeducativo de Rondônia

Os meses de outubro e novembro foram marcados por vários eventos literários nas unidades socioeducativas da Fundação Estadual de Atendimento Socioeducativo do Estado de Rondônia (Fease). Desde o concurso de redação, como foi realizado no Centro de Atendimento Socioeducativo de Ji-Paraná à confecção de poesias, como aconteceu na tarde da sexta-feira (20), no encerramento do projeto da oficina literária “Carolina Maria de Jesus visita o Sistema Socioeducativo”, realizado na Unidade de Internação Provisória e Sentenciada Feminina (Unif).

O projeto teve início no dia 13 de outubro, com várias oficinas, proporcionando às socioeducandas o desenvolvimento de habilidades potencializadoras da leitura e da escrita, visando a construção de uma voz autoral, levando-as à reflexões nas suas realidades e construção de seu próprio estilo literário por meio dos registros de suas ideias, das suas concepções de mundo e de vida, que traduzem as representações de seus pensamentos e de seu cotidiano. Com base nisso, foi elaborado um varal com as poesias criadas pelas próprias socioeducandas.

“O projeto me inspirou e despertou em mim o desejo de fazer poesia e significou muito na minha vida no sentido de gratidão por ter aprendido coisas novas e, além disso, mudou o meu modo de pensar”, disse uma socioeducanda.

Para outra socioeducanda, o projeto foi muito especial. “Me mostrou novos horizontes, me mostrou coisas que eu não sabia, me despertou o desejo de conhecer mais, de aprender e me fez mudar muito”, disse, acrescentando que o projeto a oportunizou até mesmo na mudança de caráter, “capturou a melhor essência de mim e das demais adolescentes”, concluiu.

Estiveram presentes no evento, a Dra. Rosângela Aparecida Hilário do Departamento de Ciências da Educação da Fundação Universidade Federal de Rondônia (Unir), responsável pelo projeto na unidade; o professor Bruno Almeida dos Santos, doutorando pela Universidade de São Paulo, ministrante das oficinas; Giliarde Irineu, coordenador de Apoio ao Adolescente (CAA/Fease); Katiana Nunes de Araújo Pessoa, assessora pedagógica (Asped/Fease); Fátima da Silva, assistente social da Vara Infracional de Execução de Medidas Socioeducativas de Porto Velho; Rosa Negra, palestrante sobre relações étnico raciais e de gênero; Betânia Avelar do Serviço Social do Comércio de Rondônia-RO (Sesc); representantes da Defensoria Pública, diretora da Unif, agentes de segurança socioeducativa, socioeducandas e convidados.

Na oportunidade, as socioeducandas participaram também da oficina de turbantes, ministrada por Rosa Negra.

Fundação Estadual de Atendimento Socioeducativo