Destaques Rondônia

Quase 18 mil famílias já se habilitaram para receber auxílio do Governo do Estado

O Governo do Estado de Rondônia lançou na última semana o programa AmpaRO com o objetivo de reduzir o impacto econômico no orçamento das famílias em extrema pobreza durante o período de pandemia no estado de Rondônia.

De acordo com a Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), o programa iniciou o cadastramento há três dias e pouco mais de um terço das pessoas aptas a receberem as três parcelas do auxílio de R$ 200 do governo do estado já se habilitaram. Até o momento, 48.175 famílias constam na base de dados usada pelo programa para identificar quem tem direito ao benefício e quase 18 mil já tinham se cadastrado até a quarta-feira (17).

Quem possui direito ao Programa?

Famílias consideradas em condições de extrema pobreza, que declararam no Cadastro Único do Governo Federal uma renda de até R$ 89 reais por pessoa.

Como é feito a solicitação?

Para se habilitar no AmpaRO, o interessado precisa acessar o site do programa e preencher apenas o CPF e a data de nascimento. O sistema identifica automaticamente se a pessoa se enquadra nos requisitos e oferece a opção de confirmar a participação. O prazo para o cadastro vai até o dia 29 de junho.

Pagamentos

Conforme a Seas, após o fim do período de habilitação, é gerada a lista das pessoas contempladas. Em seguida, os nomes serão encaminhados ao banco que irá abrir as contas digitais e será depositada a primeira parcela.

Com o saldo no aplicativo Caixa Tem, o beneficiário poderá transferir o valor, pagar contas ou gerar um código para sacar no caixa eletrônico.

O calendário com a previsão dos pagamentos ainda não foi informada, porém conforme o Governo a data estimada para o início da distribuição do benefício será para o mês de julho.

A pasta informou que além do programa AmpaRO, tem realizado repasses financeiros do Sistema Único de Assistência Social (Suas) aos municípios para que eles ajudem as famílias com insumos e cestas básicas.

Contatos da Seas para tirar dúvidas sobre o AmpaRO:

Porto Velho
(69) 9 8482-2280
(69) 9 8482-0986 (Atendimento das 08h às 18h)
(69) 9 8472-8838
(69) 3224-2486
(69) 9 8482-9988
(69) 9 8484-0209

Ariquemes
(69) 3535-7730 e (69) 9 9922-7018

Jaru
(69) 9 9266-4105

Ouro Preto do Oeste
(69) 9 9247-8405

Rolim de Moura
(69) 9 8464-2031 e (69) 9 9350-0086

Cacoal
(69) 9 9913-7033

Guajará-Mirim
(69) 9 9367-2528 e (41) 9 9793-1004 (Whatsapp)

Vilhena
(69) 9 9377-8909 e (69) 9 9368-3653

Ji-Paraná
(69) 9 9337-1585 e (69) 9 9297-0343