Connect with us

Olá, tudo bem? O que você está pesquisando?

Rondônia

Rondônia recebe a liberação para importar 36 mil doses da vacina Sputnik V

Uol

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) concedeu a autorização para a importação excepcional da vacina Sputnik V para mais sete estados: Rio Grande do Norte, Mato Grosso, Rondônia, Pará, Amapá, Paraíba e Goiás.

Para Rondônia, foi permitido somente 36 mil doses do imunizante. Lembrando que em março, o Governo assinou a aquisição de mais de 1 milhão de doses da vacina Sputnik V, entretanto, a Anvisa suspendeu as negociações iniciais permitindo aos poucos e com diversas restrições a vacina para alguns estados. A aquisição da Sputinik V para o estado de Rondônia é inferior ao anunciado pelo governador Marcos Rocha em março deste ano.

A importação deverá ser realizada sob condições controladas. Entre as principais condições está, por exemplo, a aplicação do imunizante somente em indivíduos adultos saudáveis; todos os lotes importados das vacinas somente poderão ser destinados ao uso após liberação pelo Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde (INCQS) da Fiocruz; a vacina deverá ser utilizada em condições controladas, com condução de estudo de efetividade, com delineamento acordado com a Agência e executado conforme as Boas Práticas Clínicas; e a Anvisa poderá, a qualquer momento, suspender a importação, a distribuição e o uso das vacinas importadas.

Na deliberação que foi estabelecida, a Sputinik só será permitida a aplicação das doses somente em 1% da população de cada um dos estados, o que permitirá o adequado monitoramento e a ação imediata da Agência.

Sendo assim cada estado receberá:

Rio Grande do Norte – 71 mil doses;
Mato Grosso – 71 mil doses;
Rondônia – 36 mil doses;
Pará – 174 mil doses;
Amapá – 17 mil doses;
Paraíba – 81 mil doses;
Goiás – 142 mil doses.

Faça um comentário

Você pode gostar

Brasil

Em 09 de julho de 2020 o senador Randolfe fez uma live com seus heróis médicos, que salvaram muitas vidas no Amapá usando um...

Brasil

    Na minha contínua necessidade de “ler o mundo”, um dos caminhos é a leitura de jornais. Essa “troca de ideias” com pessoas...

Contraponto

[Tendo em vista (i) o impacto dos acontecimentos recentes na França e (ii) a profundidade da análise feita por Theodore Dalrymple, peço licença a...

Destaques

Em meio à pandemia causada pelo coronavírus, com Rondônia registrando 1.460 casos da doença e 50 mortes, o governo de Marcos Rocha, através da...