Destaques Rondônia

Rondônia recebe ventiladores pulmonares enviados pelo Ministério da Saúde

Na manhã desta segunda – feira (18), durante a coletiva de imprensa, a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), anunciou a entrega 20 ventiladores de leito e 5 de transporte pelo Ministério da Saúde. Eles devem ser utilizados na montagem de mais leitos de UTI, no estado de Rondônia.

Segundo secretário Fernando Máximo, a expectativa é de que em uma semana sejam entregues 70 leitos clínicos prontos no Hospital Regina Pacis, adquirido recentemente pelo Estado, chegando a 140 leitos em três semanas.

Sobre os 100 mil testes que o governo adquiriu, Máximo disse que a carga ainda está em São Paulo por barreira de alfândega e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

“A gente acredita que no máximo em dois dias esses testes estarão em Porto Velho”, disse o secretário.

Caso de Guajará-Mirim

O secretário Fernando Máximo foi questionado sobre o alta taxa de mortes em Guajará-Mirim, superior a 30%. Máximo informou que fez reuniões neste domingo para avaliar a situação do município e determinou a coleta de mais exames.

Fernando ainda completou que uma das possíveis causas de infecções é a viagem constante de pacientes renais crônicos entre a cidade e a capital, conforme o secretário.

“O prefeito nos prometeu que hoje ainda ele consegue fechar um hotel aqui em Porto Velho para deixar esses pacientes que vem amanhã para que eles não fiquem se deslocando”, explicou.

Situação de Coronavírus no estado

De acordo com o último boletim da Sesau, Rondônia já registra 74 mortes por Covid-19 e 1.963 casos confirmados. Ao todo já são 738 pacientes recuperados.

A taxa de ocupação na UTI do Cemetron é de 94% e na Assistência Médica Intensiva é de 73%, conforme a pasta. Ambos são hospitais de referência para o tratamento da doença na região norte do estado.