Blog da Mara | Opinião e Notícia

Jornalista desde 1989. Trabalhou nos jornais Estadão do Norte, O Guaporé e Diário da Amazônia.  Cobriu eleições para a Agência Estado. Trabalhou no Governo de Rondônia por quase 20 anos. Foi assessora parlamentar durante 12 anos no Congresso Nacional. É graduada pela Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), com especialização em Ciências Políticas pela Unilegis, Universidade do Legislativo Brasileiro.   Entre em contato. Email maraparaguassu1@gmail.com    
Notícia

Sergio Moro fala sobre vazamentos da Lava Jato no Senado

Audiência com o ministro ocorre nesta quarta, 19, a partir das 9h, na sala 3 da Ala Senador Alexandre Costa, Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, irá ao Senado nesta quarta-feira, 19, para falar sobre  suposta colaboração dele com procuradores, especialmente com Deltan Dallagnol, quando era juiz da força-tarefa da Operação Lava Jato, em Curitiba.    

Os diálogos entre ele e procuradores da República foram publicados no site Intercept, que alega ter recebido informações de fonte anônima. Os diálogos indicam suposta colaboração do juiz com os procuradores que aparentemente extrapolaria atuação meramente jurídica nos casos em que atuaram, inclusive o processo do ex-presidente Lula.

A audiência ocorrerá a partir das 9h, na sala 3 da Ala Senador Alexandre Costa, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), presidida pela senadora Simone Tebet (MDB-MS).  

A senadora Simone Tebet disse que a exposição terá duração de 30 minutos. Em seguida, os senadores inscritos, intercalados por ordem de partido, terão cinco minutos para perguntas. O ministro terá o mesmo tempo para resposta e, depois, os parlamentares terão prazo máximo de dois minutos para réplica e tréplica.

Simone explicou que as regras de condução foram definidas seguindo as normas regimentais e informou que a lista de inscrição dos senadores será aberta às 9h.

A audiência foi marcada por sugestão do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), líder do governo no Senado. Em ofício enviado ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre, o líder destacou que a iniciativa de esclarecer os fatos partiu do próprio ministro.  

Com informações da Agência Senado.

Comentários

Etiquetas

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios