Destaques Rondônia

SOS COVID – 19 – Pessoas que unem ações de solidariedade com tecnologia necessitam de parceria

Diante da pandemia do coronavírus, pessoas estão se unindo em ato de solidariedade para combater o contágio da COVID-19, entre várias ações que estão se espalhando, há um grupo de profissionais que estão unindo tecnologia e a solidariedade para ajudar profissionais de saúde a enfrentar o problema da falta de equipamentos de proteção nos hospitais.

O grupo denominado como SOS COVID-19, criou uma iniciativa de fabricar através de máquinas 3D as conhecidas viseiras, um dos equipamentos de EPI essenciais para quem necessita estar todos os dias cuidando de pacientes com COVID-19.

A ação conta com a participação de diversas entidades como PUC-RIO, UFRJ, makers, médicos, professores e engenheiros, todos do Rio de Janeiro.  Para conhecer melhor o projeto desenvolvido no Rio de Janeiro, clique aqui.

O SOS COVID-19 ultrapassou as barreiras sociais chegando em Rondônia, através de uma agente social, com a finalidade de auxiliar os profissionais da saúde do estado a enfrentar o contágio do coronavírus devidamente protegidos.

Neidiane Carvalho, uma das propositoras do trabalho voluntário, em Rondônia, afirma que a preocupação para com os agentes de saúde neste momento é essencial.

“Eles salvam vidas todos os dias, estão a frente deste risco que pode chegar a todos nós, e quem os protege? São profissionais que dão suas vidas pela nossa todos os dias, precisamos ajudá-los,também. Não estamos buscando nada além de esforços para combater esse risco eminente que pode chegar na casa de qualquer um de nós”, afirma.

No momento, a equipe de Porto Velho necessita de colaboradores tanto de ações físicas como impressoras 3D. Para as pessoas que possuem interesse em contribuir com o projeto SOS COVID-19, em Porto Velho, pode estar entrando em contato com Neidiane Carvalho pelo telefone 69-99344-3297,  Fabrício Cor 69 98159-1919 ou por e-mail soscovid19pvh@gmail.com .

Demais contatos de colaboradores do Projeto: