Destaques Rondônia

Últimas informações sobre coronavírus no Estado de Rondônia

O Governo do Estado de Rondônia através da Superintendência Estadual de Licitações (Supel) lançou um chamamento público para aquisição emergencial de materiais de consumo e Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) de nível intermediário e avançado para atender as necessidades e demandas das unidades de saúde estaduais. A licitação será aberta na próxima terça – feira (07), a partir das 12h (horário de Brasília), momento em que as empresas poderão enviar as propostas.

O secretário de Estado de Saúde (Sesau), Fernando Máximo, publicou nas redes sociais nesta sexta-feira (3), um vídeo informando que tem recebido denúncias de violação da quarentena – os 14 dias de isolamento compulsório (obrigatório) para combater a propagação do novo coronavírus. Fernando comentou que a quebra de quarentena é crime e pode dar reclusão por até um mês.

COVID-19: Descumprimento da quarentena pode levar à multa e prisão

IMPORTANTE! O secretário de saúde Dr. Fernando Máximo, vem a público ressaltar a importância da quarentena, e que a violação da mesma resulta em crime, conforme o art. 268 do código penal que prevê detenção e multa.

Publicado por SESAU – Secretaria de Estado da Saúde em Sexta-feira, 3 de abril de 2020

ARIQUEMES

Um novo decreto foi publicado pela prefeitura de Ariquemes (RO) nesta sexta-feira (3) prorrogando o estado de calamidade no município devido a pandemia do novo coronavírus. No entanto, diferente da decisão publicada em 20 de março, um número maior de estabelecimentos comerciais poderão ser abertos a partir do próximo sábado (4).

O prefeito Thiago Flores havia informado em uma transmissão no Facebook, realizada na quinta-feira (2), que iria reabrir parte do comércio para evitar demissões. No decreto, ele também afirma que um documento da Secretaria Municipal de Saúde (Semsau) “sinaliza a possibilidade de flexibilização parcial das restrições anteriormente impostas, sem comprometimento do mínimo indispensável à promoção e preservação da saúde pública”.

Além da abertura parcial do comércio, a cidade de Ariquemes começou a realizar os testes rápidos de Covid-19 na população de Ariquemes.

O Instituto Federal de Rondônia entregou álcool em gel para a Secretaria Municipal de Saúde; a produção do álcool gel foi feita pelo próprio Ifro.