Mundo

“Única saída era fechar”: Covid desafia negócios brasileiros na Espanha

Daniela Beteli já havia morado na Espanha de 2003 a 2013. Depois de alguns anos no Brasil, resolveu retornar a Madri, buscando a mesma qualidade de vida que tinha antes, e abriu uma confeitaria, negócio em que já tinha anos de experiência, sem grandes dificuldades.

Cerca de 90% dos clientes dela eram turistas, contou Daniela à Agência Efe, já que a confeitaria ficava em uma região central da capital espanhola, perto de diversos hotéis. Vendia, principalmente, coxinha, pão de queijo e bolos recheados. Sucos naturais e açaí também eram bem populares.

Por EFE