Após posse de Lula, bolsonaristas desmontam acampamento em frente a quartel em Ariquemes, RO

Nesta segunda-feira (2), um dia após a posse de Luís Inácio Lula da Silva (PT) como presidente da República do Brasil, bolsonaristas começaram a desmontar o acampamento feito no canteiro central da Avenida Capitão Silvio, em frente ao quartel do sétimo batalhão da Polícia Militar (PM), em Ariquemes (RO).

O grupo estava no local há cerca de dois meses por não aceitar o resultado das Eleições 2022. Um vídeo feito na manhã desta segunda mostra estruturas de tendas vazias, sem movimentação de pessoas no local (veja acima).

Cenário diferente do registrado em novembro, quando além das tendas haviam barracas, cadeiras e eram feitos churrascos no local, como mostra a foto.

Além de Ariquemes (RO), os acampamentos de apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro também ocorriam em frente a quartéis de outras cidades do país. Os acampamentos faziam pedidos inconstitucionais, como intervenção militar e reversão do resultado das eleições.

Parte dos bolsonaristas declararam não aceitar o resultado das urnas – que registraram o desejo da maioria dos brasileiros e não tiveram caso de fraude detectada, inclusive pelas Forças Armadas.

Fonte: Por g1 RO